sexta-feira, maio 11, 2012

Intimidade

A intimidade de um casal é, para mim, algo privado. O que se faz ou se deixa de fazer só a eles diz respeito. Ninguém tem o direito de saber, comentar e, muito menos, julgar.
Não conto às minhas amigas qualquer pormenor acerca disso e não suportaria a ideia de que, alguém com quem estive, tivesse ido partilhar detalhes desses momentos.
Na quarta tive que me chatear com um amigo que esticou a corda. Não só fez saber ao nosso grupo de amigos detalhes da minha intimidade com o H., como ainda deu a entender que tinha sido ele a contar-lhe. Não conhecesse eu o H. suficientemente bem para saber que nunca faria algo tão baixo e a história tinha acabado mal. Ele limitou-se a fazer suposições que, por acaso, bateram certo. Os momentos privados que tivemos são isso mesmo - privados. Não achamos que nenhum deles, por mais amigos que sejamos, tenha direito a saber pormenores.
Depois de tanto tempo sem termos falado sobre 'nós' fomos forçados a fazê-lo para decidir como reagir. Ele garantiu que não contou nada, lamentou que eu tenha tido que lidar com isto sozinha. Eu, sei que confio cem por cento nele.

5 comentários:

  1. Há coisas que têm de ser mesmo mantidas entre o casal. Numa discussão, por exemplo, nunca iria a correr contar a outra pessoa, mas trataria de conversar com o meu namorado para resolvermos a coisa o mais rapidamente possível.
    Pessoas que fazem o que esse amigo fez ultrapassam todas as barreiras da educação e do bom senso.

    ResponderEliminar
  2. Gente desagradável e sem noção.

    ResponderEliminar
  3. cada vez me convences mais que é uma pena que tu e o H. não sejam mais do que amigos

    ResponderEliminar
  4. Também já tive uma situação semelhante...

    ResponderEliminar
  5. Filipa, não me parece... já nem tenho essa ilusão!:) Ficam as boas memórias!

    ResponderEliminar