quinta-feira, maio 03, 2012

Isto de usar o traje é tudo muito bonito...

...mas é mais bonito para os rapazes! Para as moças (ou então sou só eu que sou esquisita) é quase uma tortura. É a saia que não deixa 'alargar' a perna (não que queira andar de perna alargada, mas é que até para subir para o 103 é preciso uma ginástica do caraças!); são os sapatos de salto que magoam e me fazem desejar amputar os dois pés passados 15 minutos; e é o investimento em collants ou ligas! Sim, porque os moços compram o traje e já está! Seguem-se anos de conforto financeiro (e de vestuário, diga-se de passagem!)... Para nós, há todo um investimento posterior (e a fundo perdido) nas malfadadas meias que, vá-se lá saber porquê, se rompem sozinhas! Pelo menos as minhas rompem!

O que vale, é que cada vez que se veste o traje (ou pelo menos quase sempre) se vivem alguns bons momentos!:) A Serenata é mais logo, o jantar é nos claustros da Faculdade (o que não poderia tornar o cenário mais agradável!).
Confesso que não estou com grande espírito para a Queima que já aí está, mas é disto que se faz Coimbra, e quando meter os pés no recinto o ânimo regressa!:)

6 comentários:

  1. Nem vais acreditar é quando ela chegar ao fim! E logo a tua primeira (: Por isso aproveita, vive ao máximo estes momentos pois eles não voltam! Boa Serenata e boa Queima ;D

    ResponderEliminar
  2. Nunca liguei ao traje por isso não o comprei... mas parece-me tortuoso. lol

    ResponderEliminar
  3. Entendo-te! Os sapatos para mim sempre foram o pior, em 5min começavam-me a sangrar os tornozelos! Era uma tortura. E a capa, em caso de saída á noite, pode ser um incomodo.

    ResponderEliminar
  4. eu sempre adoreeeei andar trajada :D nobody said it was easy, mas a sensação que nos dá é tão maravilhosa, esteja um frio de rachar e chuva ou um calor descomunal ;p

    ResponderEliminar
  5. passo a vida a dizer isso. as meias são um investimento terrível que se rasgam em meia duzia de passos e deixam passar um frio do pior naqueles dias gelados. os sapatos, além de feios, são desconfortáveis e não podias descrever melhor quando dizes que apetece amputar ambos os pés ao fim de 15 min, mesmo com palmilhas e cenas afins. De resto não me queixo de mais nada. adoro trajar, adoro ser praxísta. acho que não há vivência igual. e faço os sacrifícios que forem precisos, trajo todas as sessões de praxe da semana e fico horas de pé se for preciso. compensa tudo.

    ResponderEliminar
  6. Trajei pela primeira vez no dia 30 de abril e adoreeei :P Só no final é que os meus pés já se estavam a queixar, mas no fim recuperaram bem LOL

    ResponderEliminar