quarta-feira, agosto 08, 2012

Desde que estou de férias que faço uma caminhada praticamente todos os dias, ao fim da tarde, quando o Sol já se põe e o ar está mais fresco.
No início custou-me a impor esta rotina. Por motivos parvos de personalidade tenho dificuldades em me "mostrar". Ir caminhar, equipada a rigor, com os phones nos ouvidos, exposta, nesta pequena terra onde todos se conhecem, onde quando se passa por alguém é imperativo dizer "boa tarde" faz-me confusão. Não gosto que as pessoas observem, que fiquem a olhar, que passem de carro e abrandem para ver melhor de quem me trato. Vai daí, tratei de arranjar companhia. Mas, claro, a minha personalidade solitária impera e percebi que gosto realmente de caminhar a passo largo ao fim da tarde, mas que prefiro fazê-lo sozinha. Afinal, com o passar dos dias, deixei de me preocupar com quem passa e com quem olha (ou pelo menos já não me preocupo tanto - estou no bom caminho desta "terapia"). Sozinha, com um som como este nos ouvidos, sinto-me liberta. É o meu momento, depois de um dia rodeada de gente. Caminho ao ritmo da música, com a aragem do fim de tarde a bater-me na cara, com o céu amarelado como cenário. Meto-me por caminhos desconhecidos e tenho descoberto paisagens que já deveria ter conhecido antes. E sabe-me tão bem que o faço por prazer! E isso nem me passaria pela cabeça há tempos atrás... fazer exercício por prazer. Canso-me, é verdade, mas sinto-me bem no final. Por agora tem sido uma hora diária, mas hoje já me apeteceu continuar por mais um pouco. Acho que está na altura de prolongar o caminho.


Um dia destes, quero fazer o percurso a um ritmo mais lento, para fotografar alguns locais. Com uma câmara emprestada, porque a minha não está bem de saúde e apenas pude tirar algumas fotos com o telemóvel. Ora vejam! :)





11 comentários:

  1. E fazes tu muito bem, tb devia fazer mais!

    ResponderEliminar
  2. Acabei de chegar de uma caminhada de uma hora... delícia.

    ResponderEliminar
  3. A mim acontece mais ou menos o mesmo nos meus passeios fotográficos ja percorri grande parte da cidade do porto por ruas estreitas que nunca ninguém se aventura e já descobri coisas fantásticas...ja andei tardes inteiras assim fico sempre muito cansado mas a vontade é sempre de continuar a explorar cada vez mais...

    ResponderEliminar
  4. Essas palavras poderiam perfeitamente ser minhas, também não gosto que olhem para mim, gosto de fazer as minhas coisas sozinha sem ser observada mas ainda bem que ganhas-te coragem para fazeres as tuas caminhadas e não te importes com os outros.

    ResponderEliminar
  5. Faço o mesmo, mas não só nas férias. :) Música nos ouvidos, passo acelerado, e é a melhor coisa do mundo para relaxar!

    ResponderEliminar
  6. Eu faço sempre essa caminhada depois do jantar (cerca de 1h ou 1h30), mas não sozinha os vizinhos juntam-se e vão todos juntos, acho mais divertido assim ;)

    ResponderEliminar
  7. uauuu ... que paisagem calmante =) eheheh beijinho******+

    ResponderEliminar
  8. Sabe tão bem fazer caminhadas!!Tão bem!Custa às vezes começar mas depois sabe super bem!

    ResponderEliminar
  9. E somos duas! Adoro caminhar ao fim da tarde ou logo de manhãzinha, sozinha, com música e sem telemovel para esquecer que as pessoas de sempre existem. É um momento de mim para mim. E sabe-me pela vida!

    ResponderEliminar
  10. eheh eu ao inicio também me sentia 'coisa', vivo numa terra pequena e toda a gente fica a olhar e pensa que ando a correr por estar gorda LOL respondi.te no meu post. bejinho

    ResponderEliminar