quinta-feira, outubro 18, 2012

Crónicas de uma estagiária III

Depois de um dia inteiro a lidar com a minha colega de estágio já estou um bocadinho cheia dela. Pois que nunca está de acordo, pois que tem de fazer sempre diferente do que sugiro, nem que seja só a colocar uma palavra diferente, pois que achou que devia falar com a psicóloga do colégio à entrada da porta, sem me deixar ouvir, pois que usa as minhas ideias como as nossas ideias. Foi ainda só um dia mas já estou a ver mais planos de actividades em conjunto. Mas não vejo sentido nisso! Se vamos ser avaliadas individualmente não temos de fazer as coisas como se fôssemos gémeas siamesas... 
A sorte é que às vezes se ouve a voz da razão nas alturas certas. O A. já me fez ver que no mundo do trabalho vou ter de lidar com n pessoas de quem não gosto especialmente, mas que faz parte. Que só estou a começar e que tenho de me adaptar. E tem razão. Não adianta começar já a stressar, vou dar tempo ao tempo...

7 comentários:

  1. Não dês muito tempo. Boleias para fazer o curso não fazem o meu género :)

    ResponderEliminar
  2. São situações que acontecem sempre, e tens que tentar não dar muita importância se não o ambiente de trabalho não é bom! Boa sorte =)

    ResponderEliminar
  3. Infelizmente, há sempre alguém com que não gostamos de lidar, mas tem mesmo de ser. O melhor a fazer é não dar mais confiança do que a necessária.

    ResponderEliminar
  4. calma.. eu sei que ao início é complicado mas tens de arranjar uma maneira de estares com ela sem te stressares..

    kisses***

    ResponderEliminar
  5. Ui, nem imaginas o que eu stressei com a minha colega de estágio... podia-te contar umas boas histórias, mas por email, se quiseres :)

    bjinho

    ResponderEliminar
  6. Cuidado, Jude! Já trabalhei com gente dessa laia! È gentinha que capta tudo, destorce a realidade e pode colocar-te em terreno lamacento.

    ResponderEliminar
  7. Têm toda a razão, tenho de arranjar a melhor maneira de lidar com a situação!

    Denise, opá, achas que me vou assustar com essas histórias?! :p

    ResponderEliminar