domingo, outubro 21, 2012

Não gosto de domingos

Não gosto de domingos porque deviam ser dias de descanso e não o são. Aproveito para dormir até mais tarde, para compensar as poucas horas de sono de uma semana inteira, mas depois há que refazer malas, há que sair cedo p'ra chegar a tempo ao comboio, há que fazer toda uma gestão entre lugares (livres?!) e malas, porque não há espaço para mais gente nem mais bagagem, há que andar a pé e esperar pelo autocarro, mas é domingo e já é noite, são raros os que passam. Passa um, mas vai cheio e nem pára. Espera-se mais um bocado pelo próximo, vai-se em pé e a tentar domar a mala e o equilíbrio porque o condutor sempre sonhou ser piloto de Fórmula 1. Chega-se a casa, há que jantar, desfazer a mala, passa das onze da noite e ainda há um banho para tomar. Chego ao fim do dia com a sensação de tempo perdido. Não fossem as saudades, por não ir a casa há duas semanas, e diria que mais valia ficar por cá. Isso, ou ter um carro. Oh, o que eu dava para ter um e poder fazer em 45 minutos o percurso que iniciei hoje às cinco da tarde!


5 comentários:

  1. Os condutores de domingo são uma praga.

    ResponderEliminar
  2. lembras-me os domingos que tinha de ir para a faculdade, autentico pesadelo e stress. Eu só ia uma vez por mês (por isso mesmo e não pela distância, mas era horrível e então no inverno, sair do bus e ter de esperar pelo autocarro e à chuva.. é horrivel. Mas depois tinha carro e deixava-o à pertinho da central, assim saía do autocarro e entrava no meu veículo. são rituais.. e hoje até não me importava de voltar à faculdade, pelo menos sabia com o que contar. :D beijoca e uma boa semnanaaaaaaaaaaaa.....




    ResponderEliminar
  3. pfff. sim, à conta disso, também não suporto os domingos!

    ResponderEliminar
  4. Este post poderia ser meu, com algumas variantes: volto de carro o que facilita a coisa, mas irrita-me ter que ir às compras e andar sempre com sacos e malas atrás. Bahh!

    ResponderEliminar
  5. Ora portanto, temos aqui o retrato perfeito do Domingo da Pam. Que horror, é o dia da semana que mais detesto - e sim, tudo por causa da correria das viagens, das malas às costas, do pensar no que preciso de trazer de casa... Chego ao fim do dia exausta. E mal-disposta!

    ResponderEliminar