terça-feira, janeiro 29, 2013

Crónicas de uma estagiária X

Hoje foi o pior dia de estágio até agora. Mau ao ponto de me levar às lágrimas e de precisar de uma "sessão de psicoterapia" da minha orientadora no Colégio. Se as coisas correm mal, há algum problema. E eu, no meu papel de estagiária inexperiente e insegura, assumo logo que a culpa é minha. Então se, um miúdo resolve rejeitar todas as minhas propostas de intervenção e se ainda tem o descalabro de deitar a cabeça em cima da mesa e de fechar os olhos enquanto lhe tento explicar aquilo que me foi pedido que lhe explicasse, só posso achar que, de facto, não é esta a minha vocação e que, infelizmente, escolhi o curso errado. Felizmente, a Dra. I. não podia ter sido mais querida, e fez-me ver que as dificuldades acontecem com qualquer psicólogo, independentemente dos anos de experiência. Falou-me da experiência dela com alunos que resistem à intervenção e de como por vezes nos sentimos incompetentes, mesmo sem o sermos. E é verdade o que ela disse - que, sendo psicólogos, as pessoas esperam que tenhamos soluções mágicas que consigamos resolver tudo, que estejamos sempre bem porque, afinal, somos psicólogos e, acreditam, temos a chave da felicidade. Mas não é assim, há inseguranças, receios e dificuldades.E, como ela me disse, somos ser humanos como todos os outros e também podemos ter os nossos momentos de "desespero". Disse que fiz bem em desabafar, que partilhar as experiências, as boas e as más, serve para nos dar consolo e estabilidade. E tem toda a razão. Fez-me bem o apoio dela e o da F.. Fiz figura de tolinha ao chegar ao gabinete dela com as lágrimas nos olhos, mas pelo menos descarreguei a tensão.

14 comentários:

  1. Sim, tenho a certeza que virão* obrigada :)

    ResponderEliminar
  2. Oh rapariga! Foste abaixo por isso? Como psicologa, terás de te habituar a dizer certas coisas e realidades que as pessoas nem sempre saberão digerir. E cada pessoa é um mundo e tem uma reacção diferente. Não tem a ver contigo, mas sim com elas.

    ResponderEliminar
  3. sinto um bocado isso às vezes. As pessoas pensam que por sermos/estarmos a estudar pra ser psicologos que somos pessoas diferentes, que somos "melhores", que temos que ser de certa forma. O meu pai, meio a brincar meio a sério, passa a vida a dizer "uma psicologa não faz isso" ou "então a dra, tão chique, também faz isso/gosta disto ou daquilo". Deixa-me possessa!!! Claro que somos pessoas como as outras e temos as nossas fraquezas. Claro que não temos solução pra tudo, ainda pra mais somos, como diz uma professora minha "reles aprendizes de psicólogos". Fizeste muito bem em desabafar, és humanas, fazes erros, tens fraquezas. Assim aliviaste!

    ResponderEliminar
  4. Acontece aos melhores esse tipo de situações, como ela diz somos todos humanos e todos temos altos e baixos! não te deixes abater por isso, aposto que és uma excelente profissional! Os miúdos são muito complicados e difíceis de lidar é normal! bjinhos e força!

    ResponderEliminar
  5. Isso acontece a todos os profissionais, independentemente da área de formação... Da minha profissão, todos esperam que sejamos fortes que nem um rochedo, não podemos mostrar as emoções, não podemos chorar, temos de saber lidar com situações limite como se de chocolate se tratasse...mas a verdade não é essa, porque antes de sermos profissionais, somos pessoas com sentimentos, com altos e baixos...e nem sempre é fácil colocar de lado os sentimentos e limitarmo-nos a ser profissionais, frios e imaculados, como nos é exigido...

    ResponderEliminar
  6. Quando ainda estamos a ganhar experiência na nossa profissão é natural existirem situações complicadas e que nos façam duvidar naquele momento de que estaremos na profissão certa. Mas faz parte da aprendizagem e na profissão que estás vão existir imensas situações que vais ter dificuldade em chegar às pessoas mas nunca duvides de ti porque se aí chegaste é porque tens valor :)

    ResponderEliminar
  7. é normal.. e não te podes deixar ir abaixo..

    Muita força..

    kisses***

    ResponderEliminar
  8. Querida Jude, e são estas experiências menos boas, que te dão estofo, para as etapas seguintes, podes crer!
    Muita força e beijinhos.

    ResponderEliminar
  9. ohh nao e facil, estas numa area dificil e tao pessoal! tenho a certeza que ao longo de toda a carreira podes vir a ter casos assim, mas a forma como comecas a lidar com eles vai melhorar com a experiencia. coragem :)

    ResponderEliminar
  10. por vezes são essas coisas que fazem a profissão ser interessante. o que sentiste é normal, é um sinal que te importas e que és capaz de sentir. eu fiz psicoterapia e nem sempre era fácil tocar certos assuntos e aceitar a opinião de alguém de fora. e também estive a assistir a pequenas sessões de psicoterapia com crianças. acho que o que sentiste faz parte e ainda bem que o sentiste. por vezes sentir faz-nos reflectir e tomar consciencia. e so tomando consciencia do que somos é que podemos mudar ou então manter***

    ResponderEliminar
  11. Força Jude! Vais ver que com o tempo e a experiência vais ficando cada vez mais segura de ti própria :)

    ResponderEliminar
  12. O estágio é isso mesmo. é aprender, é lutar, é ter dias maus... E depois apercebes-te que toda a tua vida vais "aprender" vais "estagiar". faz parte da evolução!

    ResponderEliminar
  13. Realmente para uma estagiária foi um pouco "stressante", digamos. Eu já passei esse papel (de estagiária), e também passei algo semelhante, mas a gente não sabe tudo, estamos ali a demonstrar o que a gente aprendeu, mas para aprender mais umas quantas coisas. Há gente muito croma. Eu acho que (pelo que percebi estas a tirar psicologia) por vezes temos de ser frios .. Para nao nos deixarmos levar pela emoção..

    hum espero que hoje estejas bem melhor. Beijinhos,
    blackandwhite2013.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  14. Daqui a uns anos, vais olhar para esse episódio com um sorriso nos lábios. Pode ter sido difícil, mas são esses episódios que nos marcam, que nos ensinam coisas que de outra forma não aprenderíamos (passei por uma situação idêntica durante o meu estágio...) Que tudo corra pelo melhor é o que te desejo :) Um beijinho

    ResponderEliminar