quarta-feira, junho 26, 2013

Crónicas de uma estagiária VII

Ultimamente têm sido várias as pessoas a perguntar-me como é que eu, com tanto trabalho com a tese, tenho tempo para outras coisas. Basta, por exemplo, dizer que vi o filme x e é logo ai, eu não tenho tempo p'ra mais nada! Não sei... nestas alturas de mais trabalho eu gosto de me levantar bem cedo, trabalhar todo o dia e ficar com a noite só para mim. Há quem prefira trabalhar madrugada fora e dormir durante o dia. Acho que cada um deve encontrar o seu próprio ritmo. Eu prefiro acordar às oito e meia, ir para a biblioteca, ficar até fechar e depois voltar a casa, fazer o jantar, ouvir música, ver um filme e adormecer. É verdade que não aproveito o meu tempo da melhor maneira, eu sei! Tomei a decisão de me dedicar inteiramente à tese e entregar o relatório de estágio só em setembro. A verdade é que tentar conciliar o trabalho no estágio, o relatório e a tese me estava a deixar completamente stressada e sem conseguir agarrar em nada em condições. Estava a adiar tudo e a ver os prazos a aproximarem-se. Se podia usar o tempo que tenho livre à noite para continuar a trabalhar e entregar tudo em julho? Podia, mas a minha sanidade mental ia ser posta em causa e tenho a certeza que, no fim, iam sair duas coisas mais ou menos decentes enquanto que, com a opção que tomei, no que depender de mim, vão sair duas coisas o mais perfeitas possível. Sei que esta é uma opção que faz comichão a muito boa gente e, eu própria, gostava de provar que sou capaz de fazer tudo ao mesmo tempo... mas não sei é até que ponto seria capaz de me dedicar todos os dias a 100% ao trabalho. Porque estagiar, ir a reuniões, fazer relatórios de acompanhamento,  escrever o relatório final de estágio, analisar dados no SPSS, escrever os resultados e a discussão da tese até à primeira semana de julho parece-me uma missão suicida. 

8 comentários:

  1. Faço exactamente o mesmo que tu: dedicar-me à faculdade durante a manhã e tarde e ter a noite para descansar. É o meu método desde há muito tempo. À noite a coisa já não rende xD Há tempo para tudo =)

    ResponderEliminar
  2. Sou tal e qual tu. Tanto durante os estágios como agora na parte dos relatórios prefiro aproveitar o dia ao máximo e tirar a noite para mim. A verdade é que também precisamos de tempo para nós, senão os trabalhos acabam prejudicados!! Tenho colegas que também nao gerem bem o tempo e ficam surpreendidas quando digo o que já fiz. Mas a verdade é que amanha vou imprimir o meu relatório final de mestrado (que corresponde à tese) e não estou de todo cansada. Há que fazer escolhas e adapta las ao nosso ritmo!!


    Boa sorte para esta reta final :)

    ResponderEliminar
  3. Eu pelo contrário sempre que posso estudo bem mais durante a noite! Sou apologista da ideia de que quando é para estudar é para estudar a sério e quando é para descansar é para descansar a sério! Seja a que horas for ;)
    Tal como dizes, nem sempre fazer tudo ao mesmo tempo equivale a fazer bem! E quando se tem a oportunidade de fazer bem, então mais vale assim... nem que para isso tenhamos que nos prolongar no tempo!
    Um bom trabalho para ti e continua a ver filmes porque eu sigo sempre as tuas dicas! ;)(Btw, adorei o "Young Victoria" e o "Salmon Fishing in the Yemen")
    Beijinho querida Jude* :)

    ResponderEliminar
  4. basta encontrarmos o nosso próprio ritmo e tudo se resolve. para uns é dormir o dia todo e trabalhar de noite, para outros é trabalhar o dia todo e ter tempo à noite, desde que funcione... eu também prefiro sempre acordar cedo e trabalhar do que o contrário. Não stresses, foi a escolha que fizeste e há-de correr tudo bem.

    ResponderEliminar
  5. Fizeste a tua opção e tu é que sabes o que é melhor para ti, não ligues ao que os outros dizem! muita força e boa sorte!

    ResponderEliminar
  6. É assim mesmo, tambem acordo muito cedo para tudo mas quando meto algo no face de praia, pensam q n faço nada. N ligues, quando s quer tudo s consegue. Beijinho e boa sorte para tudo

    ResponderEliminar
  7. E só trabalho sem te distraires nada, levar-te-ia a loucura, credo! Tomaria a mesma decisão de tu.

    ResponderEliminar
  8. Eu sou mais noctívaga. Só funciono de noite porque de manhã, já dizia o outro "estou bem é na caminha". Eu demoro a arrancar e quanto mais cedo for, pior. Por isso acordo tarde mas aproveito o dia até não aguentar, quando já são umas três ou quatro da manhã. E depois, pelo meio, vou fazendo pequenas pausas para me distrair um pouco. Mas cada um tem o seu ritmo e o que interessa é nos dedicarmos seriamente ao que estamos a fazer. Isso sim, traz sucesso :)

    ResponderEliminar