quarta-feira, outubro 30, 2013

Está aí alguém?!!

Ora bem, serve o presente post para chamar a vossa atenção para a ideia que me surgiu já há duas semanas e que já conta com algumas participações mas pode e deve contar com muitas mais! Conto com vocês para sugerirem projectos e negócios pessoais que conheçam. Podem ser vocês, um amigo, um familiar, o vizinho ou algum que simplesmente conheçam e admirem! O objectivo é fazer a diferença neste Natal e não dar lucro apenas às grandes superfícies. Ao divulgarem e comprarem de pessoas que dedicam o seu tempo a fazer peças únicas e originais, estão a ajudar essas pessoas e a economia do nosso país. Venham de lá essas ideias! Podem comentar ou enviar um email para mim ou para a Catarina, que se juntou a mim para divulgar os projectos. Além disso, temos uma surpresa reservada para quem tenha o gesto simpático e solidário de dar ideias e depois divulgá-las!;) Fiquem atentos e participem!

Para já, e para vos sensibilizar, deixo-vos uma imagem do movimento brasileiro "Compro de quem faz", que transmite bem aquilo que se pretende.

Um movimento a favor de artesãos e artistas criativos e independentes. Um movimento para incentivar o sustentável e o local, por meio do apoio às pessoas que amam o que fazem.    

  

10 comentários:

  1. Adorei a iniciativa! Espero que o projecto tenha muito sucesso

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não tens nenhuma ideia para partilhar? :)

      Eliminar
  2. Sugestão: http://amfragacreations.blogspot.com/
    Obrigada pela iniciativa :-)

    ResponderEliminar
  3. grande ideia Jude! :D não faltam por aí gente que devíamos divulgar... [depois se surgir, venho cá dizer-te]

    beijinho

    ResponderEliminar
  4. Querida Jude vou enviar-te um email com uma actualização! Beijinho*

    ResponderEliminar
  5. Acho muito bem este tipo de iniciativa, o problema, Jude, é que a maioria destes negócios fazem parte da economia paralela. Ou seja, acabamos por ajudar as pessoas mas não o país.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Compreendo, Moa. Alguns dos projectos que vamos divulgar são contudo negócios que pagam impostos. De qualquer maneira, talvez se ajudarmos essas pessoas elas possam dar um passo maior e contribuir também par ao país... espero que sim!

      Eliminar