segunda-feira, janeiro 27, 2014

sorting out feelings.

Saiu há pouco daqui um rapaz de 15 anos que me deixou com um sorriso na cara. Por norma não vou muito à bola com adolescentes mas se fossem todos assim em vez de pseudo-Justin-Biebers o mundo era um lugar melhor. Confessou-me que está apaixonado, mesmo que não tenha definido as coisas assim mas antes com um "tipo gosto mesmo tótil dela". Com o sorriso que tinha preso no rosto também era impossível negar que gosta tótil dela! Contou-me como passam o dia a trocar mensagens e como se sente tímido quando está à beira dela (sim, eu agora também utilizo a expressão "à beira" - no norte, sê nortenha). Contou-me como foi quando se conheceram e partilharam gomas. Recordou-me da minha adolescência e do meu primeiro amor. É de facto algo mágico aquilo que acontece, a transição dos sentimentos. Gostar de alguém assim pela primeira vez. E o sorriso fixo na cara já foi o sorriso de cada um de nós e volta a ser o mesmo à segunda, à terceira, à quarta ou à décima vez em que isso acontece. Apaixonarmo-nos por alguém é especial. Sempre. Seja em que idade for. Mas apaixonarmo-nos pela primeira vez, além de ser especial, é uma surpresa. É não saber explicar o que se sente nem por que se sente. Tal como ele não sabe. Mas mesmo sem saber, definiu-o da melhor maneira: enquanto tocava com a mão no peito, dizia, a sorrir "não sei, stóra... tipo, é cá dentro!".


7 comentários:

  1. Isso é verdade o que dizes. Acho um bocado cliché aquela frase de "o primeiro amor nunca se esquece". O D. não foi o meu primeiro amor, nem segundo nem terceiro... Conheci-o muito antes de imaginar que um dia seríamos namorados. Ainda assim apaixonei-me na mesma e continuo :)

    ResponderEliminar
  2. Bem a verdade é que deve ser recompensador ver esses miúdos! :)
    Um beijinho*

    ResponderEliminar
  3. Agora dei por mim a sentir saudades dessa inocência, de quando gostei pela primeira vez de alguém...era tudo tão mais fácil, tão mais genuíno...

    ResponderEliminar
  4. onde vão os meus 15 anos :) ahahha

    ResponderEliminar
  5. A falar assim dá a entender que o rapaz vai ser um bom homem com as mulheres :) Que querido "gosto tótil dela"

    ResponderEliminar
  6. O amor na adolescência é o melhor =)

    ResponderEliminar