segunda-feira, julho 14, 2014

Ter animais de estimação é...

...andar com as pernas e os braços constantemente arranhados. Nunca conseguir estar em casa sossegado. Ora o cão está a saltar ao nosso lado à espera de atenção, ou a gata se aproxima sorrateiramente de nós até, de repente, nos ferrar as pernas... ou os pés, ou as mãos, ou o nariz! É não conseguir ter uma refeição sem que eles venham pedinchar por comida. É não conseguir usar a prancha do cabelo sem a gata achar piada ao fio da tomada e começar a puxar. É não poder usar pulseiras ou colares sem lhe causar a mesma reacção. É ter de limpar as necessidades do cão sempre que ele se descuida e faz dentro de casa porque nuuuunca mais aprende! É ficar mesmo zangado quando eles fazem asneiras. É ter que ser forte para não ceder àquela cara de cachorrinho quando ele se porta mal e tem de ficar de castigo. É gastar uma quantidade avultada de dinheiro em veterinário e em rações de qualidade... e em brinquedos e acessórios. 


Mas também é ser amado incondicionalmente. É ver o carinho nos olhos deles. É passear o cão no parque e jogar ao vai-buscar-a-bola. É receber mimos da gata porque sim e porque não. É rir à gargalhada com as brincadeiras apalhaçadas deles. E é, sobretudo, ter a oportunidade de dar amor. Muito amor. E, mesmo que às vezes (sempre) eles nos tirem do sério, saber que não os deixaremos por nada.

6 comentários:

  1. não tenho animais de estimação, mas o meu namorado tem um gato e sempre que lá vou a casa ando sempre de volta do bicho... não é meu, mas acarinho-o como se fosse.. :) quando tiver a minha casa já disse que teremos de ter um :)

    ResponderEliminar
  2. Eu tenho um cão e um gato e já não imagino a minha vida sem eles!

    ResponderEliminar
  3. Coincidência mesmo;) sem dúvida mesmo!

    ResponderEliminar
  4. Agora ainda gosto mais de ti! eheheh
    Como eu amo animais!

    ResponderEliminar
  5. Sei bem o que isso é!! E adoro :)

    ResponderEliminar
  6. Eu nunca tive gatos. Por isso, para ser sincera, é um animal que não consigo gostar tanto como de cães. Mas sempre, toda a minha vida, cresci com cães à minha volta. Por isso adoro-os! Principalmente quando são pequeninos. Todos os dias vou visitá-los (o meu pai construiu um canil no terreno, que é onde eles vivem), solto-os e brincamos. Trato-os como se fossem bebés :p

    ResponderEliminar