terça-feira, outubro 20, 2015

note to (your)self.

As pessoas odiosas são tão previsíveis na sua odiosidade que, mesmo antes de dizerem alguma coisa, já se adivinha o que vai sair dali. O que essas pessoas não sabem é que tudo o que dizem só me desperta um sentimento: pena. E isto até pode ser um cliché, mas é mesmo a única coisa que consigo sentir porque, vejamos: a minha vida também não é perfeita, nenhuma vida o é...mas no meio de todas as dúvidas e adversidades que vou encontrando, consigo encontrar um bocadinho de felicidade em cada dia e (adivinhem só!), no fim da maior parte dos dias, o meu coração e o meu pensamento estão muito mais repletos de alegria e bem-estar do que de qualquer outra coisa. E é por isso que sinto pena dessas pessoas, porque ainda não descobriram "o segredo" - se o tempo que gastam a tentar encontrar falhas nos outros, a tentar puxá-los para baixo para ficarem ao vosso nível e a usar palavras maldosas ou cheias de segundas intenções for usado a reflectir sobre a vossa própria vida e sobre o que podem melhorar, vão ver que no fim do dia se vão sentir melhor e já não vão ter vontade de chatear os outros. Porque convenhamos: existem coisas mais interessantes para fazer, não? 


not here.

4 comentários:

  1. Eu claramente não sou tão boa pessoa como tu. Há muitos dias em que não consigo ter pena porque vejo como sabem que vão magoar os outros e o fazem na mesma. Foi por causa de pessoas como essas que fazem comentários despropositados que eu decidi deixar de partilhar a minha vida com os outros. Acho que me tornei um bocadinho paranóica até, mas sou muito mais feliz desde que comecei a fazer tudo por tudo para fugir dessas pessoas e desses comentários.

    ResponderEliminar
  2. Nem sempre consigo ter pena, às vezes dá mesmo vontade de lhes enfiar um tabefe (sei que não é bonito). Mas tenho que concordar inteiramente com o que escreves e não o teria dito melhor. :)

    ResponderEliminar
  3. Não diria melhor! As pessoas deveriam ser 'educadas' a canalizar as suas energias para fazerem coisas boas e positivas, ao invés de gastarem tempo a fazer mal aos outros...porque, no fim, elas é que ficam a perder....

    ResponderEliminar
  4. Eu lido diariamente com mais do que uma pessoa assim e realmente é pena que me dá. Até porque uma delas é mãe de uma grande amiga minha e gostava sinceramente que ela conseguisse ver para além daquele fel todo que lhe corre nas veias. Mas das vezes que tentei me aproximar um pouco mais, ela conseguiu dar cabo das minhas energias. Nunca mais. Aprendi a lição. Muita gente é assim mesmo por gosto, não há nada a fazer...

    ResponderEliminar