terça-feira, abril 12, 2016

o que é que eu fiz para merecer isto?

E, do nada, ele decidiu começar o dia a chatear-me porque eu estou presa à Roménia e tenho que get over it. A sério que ele sempre foi assim tão insensível e eu só reparei agora? É este um daqueles casos em que, enquanto a outra pessoa é feliz e sorridente está tudo bem, mas se algum dia se vê uma lágrima afinal está tudo estragado?
E porque é que ele acha que eu tenho de seguir em frente, perguntam vocês? Porque numa foto que ELE publicou ontem no meu facebook, em que a legenda diz, entre outras coisas, I miss you, e em que o R. (o meu primeiro amigo na Roménia) diz Me tooooo, eu lhe respondi que pode sempre visitar-me em Portugal uma vez que agora vive na Inglaterra e está mais perto. Conclusão: Porque raio é que eu estou telling to everyone to go in Portugal, se não é por estar encurralada no passado? Everyone, disse ele! Apesar de ter sido so uma pessoa. Claro que a conversa desencaminhou - eu a não acreditar no que ia lendo, e ele a fazer-se de desentendido quando eu tive de lhe dizer que a única coisa que me tem causado tristeza em relação à Roménia é ele e não é devido às saudades! Expliquei-lhe que não é pelo facto de falarmos menos, é pelo facto de sentir que ele nem presta atenção quando falamos. E o que é que ele faz? I'm paying attention! Leave it like that, I gotta go... Só pode ser a gozar com a minha cara. Se não fosse a sério quase que dava para rir!

4 comentários:

  1. Uii parece que por esse lado se precisa de uma boa dose de paciência!
    Força

    ResponderEliminar
  2. Uii parece que por esse lado se precisa de uma boa dose de paciência!
    Força

    ResponderEliminar
  3. Isso não está nada fácil por esses lados... Espero que encontres dentro de ti uma solução ou, pelo menos, uma 'luz' para conseguires resolver todos esses dilemas...!

    ResponderEliminar
  4. Desentendimentos originados por coisas que se escrevem no facebook fez com que eu escreva e apague TANTA coisa... cada vez digo menos por lá.
    Na verdade, cada vez digo menos. Ponto.

    ResponderEliminar