quinta-feira, junho 16, 2016

não fosse esta mania de querer controlar tudo.

Não deixa de ser curioso que, pouco mais de três meses depois de ter terminado com ele por não existirem perspectivas de nos voltarmos a ver, me vá mudar agora de malas e bagagens para o mesmo país e para a mesma cidade. A vida prega-nos partidas do caraças, só para nos mostrar que, às vezes, mais vale estar quieto e esperar que as coisas se  resolvam sozinhas.

3 comentários:

  1. bem que história.. mais parece um filme..
    boa sorte na nova aventura..

    ResponderEliminar
  2. Jude, pensa bem: não foi só por isso. As coisas acabaram também por outras coisas que soubeste... valoriza-te como a mulher incrivel que és. E não vejas as coisas que gostarias que elas fosse e sim como são.

    ResponderEliminar
  3. Parecia impossível voltares e aí estás tu a fazer as malas :-)

    ResponderEliminar